Por bianca.lobianco

Rio - O primeiro dia do 10º Encontro de Negócios do Grande Rio, realizado nesta terça-feira, teve um saldo bem positivo: mais de R$ 13 milhões em parcerias firmadas e 140 reuniões entre micro e pequenos empresários e grandes companhias, como a Petrobras.

Nesta quarta-feira, o evento continua com força total, e a expectativa do Sebrae é de que até amanhã, quando acontece o encerramento, sejam gerado R$ 58 milhões em negócios, valor que é 20% maior do que o da última edição, em 2012.

“O evento já começou sendo sucesso. Vamos bater todos os recordes de participação e de resultados dos últimos encontros. Esse já é o maior evento de negócios da região”, afirmou Armando Clemente, Diretor de Produtos e Atendimento do Sebrae-RJ, lembrando que a parceria com a Firjan tem sido fundamental para aproximar as grandes indústrias dos micro e pequenos empresários.

De fato, o crescimento é muito significativo em relação ao último evento. Este ano, a expectativa é que aconteçam 1.300 reuniões de negócios nos três dias de evento. Em 2012, foram 219 reuniões. O número de empresas âncoras e fornecedoras também deu um salto: 28 âncoras neste ano, enquanto em 2012 foram 11 âncoras; 304 fornecedoras neste ano, e 120 em 2012.

Em virtude da participação destas empresas, a rodada do 10º Encontro de Negócios já pode ser considerada o maior evento da região. Entre as âncoras estão: Petrobrás, Bayer, Braskem. Do setor público, participam as prefeituras de Duque de Caxias, Magé, Belford Roxo, Guapimirim e Paty do Alferes.

A Rodada de Negócios promovida visa aproximar grandes empresas contratantes de empresas fornecedoras da região, proporcionando a abertura de mercado e novas oportunidades de negócios. A participação das micro e pequenas empresas da região é fruto do trabalho do Sebrae-RJ, que capacita as micro e pequenas empresas para que seus produtos atinjam o padrão de qualidade exigido pelas grandes empresas.

Você pode gostar