Jovens não ‘abrem mão’ da conta universitária

Benefícios, como taxas menores, são os principais atrativos para a escolha

Por O Dia

Estudante de Publicidade%2C Miriam Ferreira Brasil afirma que os benefícios pesaram muito na escolha Paulo Araújo / Agência O Dia

Rio - O aumento da inserção de jovens no mercado de trabalho e a busca por autonomia resultam na constante alta na procura por contas bancárias universitárias. Esses produtos oferecem benefícios, como taxas reduzidas e descontos em cursos e livros. Os números de pesquisa nacional da Federação do Comércio do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ) confirmam esse movimento. O último estudo, feito em 2013 pela entidade, mostrava que 41% dos jovens de 16 a 24 anos possuíam conta bancária. Em 2008, essa proporção era de 26%.

Além disso, a preferência pela conta universitária segue mesmo após a conclusão do curso superior. Segundo as estatísticas das principais instituições financeiras, em média 80% dos universitários se mantêm correntistas regulares da mesma instituição depois que concluem os estudos.

A modalidade é ideal para quem está se relacionando há pouco tempo com o dinheiro, afirma o consultor financeiro Dori Boucault. “O jovem consegue ter noção da gestão de valores, que podem vir tanto dos pais ou do trabalho”, afirma.

Ele explica que as pessoas iniciam a vida financeira cada vez mais cedo. “Por volta dos 19 anos muitos já assumem responsabilidades e usam a conta corrente para despesas como faculdade e o lazer”, exemplifica.

O diretor de Comercialização de Produtos e Serviços do Bradesco, João Gomes, diz que a procura pela conta universitária acontece pelas vantagens oferecidas, como isenção de tarifas por seis meses, cheque especial sem comprovação de renda e cartão de crédito com primeira anuidade gratuita.

O Santander oferece o serviço desde 1996, mas o diretor do banco, Jamil Hannouche, afirma que ‘tem observado nos últimos anos incremento na demanda dos jovens por serviços bancários’.

Uma das universitárias que procuraram os benefícios da conta foi estudante de Publicidade Miriam Brasil, de 20 anos. “Fiz a conta por ter taxas muito menores”.

"Destaco também a importância de se guardar uma pequena quantia ao mês. Essa atitude fará muita diferença no futuro"%2C diz Pedro Braggio%2C educadorDivulgação

BENEFÍCIOS

Bancos como Caixa Econômica, Santander, Banco do Brasil,Bradesco e Itaú oferecem a modalidade. O especialista Pedro Braggio, educador e planejador financeiro pessoal, lista as principais vantagens e cuidados:

- Abertura de conta corrente sem exigência de comprovação de renda com direito a valor de crédito em média R$ 500 (se houver comprovação de renda o limite de conta aumenta).

- Cartão de crédito com a primeira anuidade grátis.

- Linhas de créditos para materiais didáticos, computadores, entre outros.

- Benefícios de descontos (em cinemas, teatros e lojas. Alguns bancos oferecem até gratuitamente um celular).

- As tarifas são menores em relação a uma conta corrente comum, a partir de R$ 4 mensais.

- Podem manter esse benefício por mais algum tempo mesmo depois de formados.

CUIDADOS

- O ideal é não se entregar à tentação de gastar todo o recebimento de uma só vez, o que é muito comum.

- O jovem deve cuidar para não comprometer a renda em parcelamentos longos e de valor alto.

- É importante guardar uma pequena quantidade de recursos ao mês. Essa atitude vai fazer muita diferença no futuro da pessoa. A economia pode começar com 10% da renda.

Últimas de _legado_Economia