Por bferreira

Rio - Em movimento para se recuperar da queda de vendas de até 50% na Copa, o tradicional Centro de Abastecimento do Estado da Guanabara (Cadeg) abre hoje o primeiro festival de inverno. Além de iguarias do mercado, como bolinhos de bacalhau, doces portugueses e vinhos, sete restaurantes criaram pratos especiais para o evento.

Os preços vão de R$ 43,90 a R$ 79,90 por pessoa e pode incluir apenas a refeição principal ou um menu completo com entrada, bebida e sobremesa. No encerramento do festival, no dia 2, as lojas e restaurantes vão funcionar até a noite, em uma espécie de viradão que terá apresentação de grupos de jazz, desfile e exposição.

Anderson da Silva (à esq.) e Robson dos Santos da Silva%2C do Empório Gourmet Show%2C preparam T-bone acompanhado de purê de baroa%3A prato será vendido até dia 2 de agostoEstefan Radovicz / Agência O Dia

O festival é uma iniciativa para compensar o fraco movimento durante a Copa. Segundo o diretor do Cadeg, André Lobo, no período da competição, o centro ficou praticamente ‘ilhado’ pelas alterações no trânsito na região do Maracanã, e também sofreu “apagão” de clientes na semana, por causa de inúmeros feriados decretados pela prefeitura. “Muita gente que almoça aqui nos dias úteis aproveitou o meio expediente para comer em casa. Teve restaurante que registrou queda de 50%” , afirma Lobo.

Adão Adones, gerente de três restaurantes no Cadeg, explica que o medo de manifestações deixou a área e levou os turistas para a Zona Sul. “Chegamos a abrir nos jogos do Brasil, mas não vendemos uma bala”, afirma.

OPORTUNIDADES

No festival, espera-se que o movimento no Cadeg, que chega a 15 mil pessoas aos sábados, aumente em 30%, como em eventos que já foram produzidos por lá. Segundo Adones, além de beneficiar os lojistas, a iniciativa será oportunidade para os visitantes experimentarem refeições completas a preços mais acessíveis do que os praticados na Zona Sul e possam comprar produtos como vinho, bacalhau e azeites.

No Empório Gourmet Show, o T-Bone de cordeiro com purê de batata baroa e molho chimichurri sai a R$ 79,90 por pessoa, com mix de queijos de entrada, garrafa de vinho grego Thalassa Cabernet Sauvignon e banana grelhada de sobremesa. “É um prato com um custo benefício bom. Só o vinho custa pra gente por R$ 50”, diz.

CONFIRA OS PRATOS QUE FORAM DESENVOLVIDOS PARA O FESTIVAL

GRUTA SÃO SEBASTIÃO

Bacalhau à moda do Porto com acompanhamento do vinho tinto Português Outeiro São Romão (R$ 131 — para duas pessoas).

EMPÓRIO QUINTANA

Tornedor de Mignon com risoto de tomate pelado, coroado com presunto de parma (R$ 43,90 — prato individual).

ESPETÁCULO

Entrada: Mix de queijos. Prato: Alcatra recheada com queijo, arroz à brasileira e batata portuguesa. Acompanham duas cervejas Therezópolis Gold. Sobremesa: banana na brasa (R$ 109,80 — duas pessoas).

Petisco de joelho de porco semidefumado recheado com palmito de pupunha, harmonizando com duas cervejas Paulaner Naturtrüb (R$ 59,80 — prato para duas pessoas).

EMPÓRIO GOURMET SHOW

Entrada: Mix de queijos. Prato: T-Bone de cordeiro com purê de batata baroa, harmonizado com vinho grego Thalassa Cabernet Sauvignon. Sobremesa: Banana grelhada (R$ 159,80 — serve duas pessoas).

Entrada: Mix de Queijos. Prato: Picanha suína grelhada com guarnição à francesa servida com vinho francês Prestige Rosé. Sobremesa: banana grelhada de sobremesa (R$ 139,80 — duas pessoas).

COSTELÃO DO CADEG

Paleta de cordeiro marinada em vinho branco e ervas finas, arroz de brócolis, batata corada, molho da casa e salada. (R$119,90 — duas pessoas).
BARSA

Risoto para Giovanni, de ossobuco de cordeiro ao vinho com mix de cogumelos frescos. (R$ 126, duas pessoas).

BRASAS SHOW

Entrada: Mix de queijos. Prato: Bife de chorizo com purê. Acompanha vinho Casa Perini Tannat. Sobremesa: Banana na brasa (R$ 129,80 — duas pessoas).

Você pode gostar