Por felipe.martins

Rio -  Cerca de 19 mil servidores ativos, aposentados e pensionistas do Estado do Rio correm o risco de ter o salário ou o benefício cortados por não fazer o recadastramento promovido pelo governo. O projeto Identidade Funcional acaba amanhã. Segundo a Secretaria de Planejamento e Gestão, quem não comparecer estará com o pagamento passível de suspensão. Os convocados integram um grupo de 18.596 servidores que ingressaram na folha de pagamento do estado até o dia 12 de dezembro de 2013.

Segundo a secretaria, 10.216 são funcionários ativos, e outros 7.240 inativos e pensionistas da capital e do Grande Rio. Há também 1.140 servidores que tiveram problemas na captura de suas digitais e precisam refazer o procedimento.

Todas as informações estão no site www.idfuncional.rj.gov.br. Quem não se lembra se já fez ou não a identificação biométrica, pode acessar o site e clicar no link ‘Comprovação de Comparecimento’. Todos os que não fizeram a identificação, conforme o agendamento divulgado, devem comparecer ao Posto Seplag, na Avenida Erasmo Braga 118, térreo, no Centro do Rio. O procedimento dura menos de 10 minutos, segundo a secretaria. O posto funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.

NOTIFICAÇÃO 1
LICENÇA SINDICAL
A Secretaria Estadual de Educação oficiou o Sepe para que seja encaminhada uma lista nominal com a identificação dos 12 servidores que terão direito à licença sindical (com vencimentos). Atualmente, há 27 nessa condição, mas segundo a pasta, a lei permite que apenas 12 podem ter liberação.


NOTIFICAÇÃO 2
CONVOCAÇÃO
A lista deve ser entregue pelos dirigentes até amanhã. Caso o ofício não seja atendido, a Secretaria de Educação informou que todos os servidores serão convocados para a escolha do local onde precisam reiniciar suas funções do cargo efetivo, visando à regularização funcional.

Você pode gostar