País conhece seu avião gigante

Maior cargueiro do Brasil foi produzido pela Embraer em conjunto com a Força Aérea

Por O Dia

Rio - A Embraer apresentou ontem o primeiro protótipo do cargueiro KC-390. O modelo, que também poderá ser usado para a aviação civil, é o maior avião já desenvolvido e produzido no país. A aeronave está sendo desenvolvida há anos em parceria com a Força Aérea Brasileira (FAB), que em maio deste ano assinou um contrato para 28 unidades.

O KC-390 ainda precisa passar por testes em solo antes de fazer os primeiros voos até o fim deste ano. A previsão para as entregas são para começo de 2016%2C segundo a FABReuters

O ministro da Defesa, Celso Amorim, disse, no evento de apresentação do avião, que a aeronave é capaz de levar tropas a qualquer região do país com rapidez. “É um projeto de Estado. Tudo aquilo que fazemos com aqueles velhos cargueiros Hercules, que estão se aposentando no mundo inteiro, poderemos fazer com o KC-390”, afirmou.

Os ministros da Defesa de Portugal e da Argentina e o comandante da Força Aérea da República Tcheca estavam entre as autoridades estrangeiras na cerimônia de apresentação do KC-390 em Gavião Peixoto, interior de São Paulo. Os três países são parceiros industriais da Embraer no desenvolvimento do cargueiro e estão entre as nações com carta de intenção para compra do avião.

A aeronave ainda deve passar por testes em solo antes de fazer seu primeiro voo, previsto para ocorrer até o fim do ano. “O KC-390 será a espinha dorsal da aviação de transporte da FAB. Ele poderá operar tanto na Amazônia quanto na Antártida. As turbinas a jato conferem bastante agilidade ao avião, que cumprirá todas as missões com mais agilidade”, salientou o comandante da Aeronáutica, Junito Saito.

O KC-390 foi projetado para ter menor custo operacional e para transportar e lançar cargas e tropas.

Últimas de _legado_Economia