Sucesso nas compras: O valor da energia vai aumentar?

Em janeiro começa a valer o sistema de bandeiras tarifárias para as contas de luz

Por O Dia

Rio - A preocupação de muitos consumidores é se o preço da energia elétrica vai aumentar no próximo ano. O consumo vem aumentando ao longo dos anos e o valores também. Dessa forma, em janeiro já começa a valer o sistema de bandeiras tarifárias para as contas de luz, que vai aumentar os preços da energia mensalmente se os custos para a população estiverem altos.

As bandeiras tarifárias serão sinalizadas por cores que indicam o funcionamento do gerador. Se o consumo estiver dentro da bandeira verde, a conta de luz não sofrerá aumento, mas se for amarela ou vermelha, as tarifas de luz sofrerão aumentos de R$ 1,50 ou R$ 3 para cada 100 KWh consumido, respectivamente.

Veja mais informações sobre o assunto abaixo.

Por Marco Quintarelli

PERGUNTA E RESPOSTA

“Estou preocupada com os aumentos na conta de luz pois tenho que trocar meu aparelho de ar-condicionado e meu ferro de passar. Me disseram que em 2015 vai a subir mais o preço da energia elétrica, é verdade ?”

Maria do Socorro, Cascadura

Maria, todo cidadão deve ter como base na sua educação também o correto uso de recursos naturais. Seja água, energia elétrica, combustíveis fósseis, enfim, tudo que necessitamos consumir no nosso dia a dia para o funcionamento de nossa sociedade.

O consumo de energia elétrica vem aumentando ao longo dos anos, assim como o seu custo. Tanto na produção da energia que, no nosso país, depende em grande parte de recursos hídricos, quanto na manutenção e distribuição desta energia.

No ano de 2014 tivemos um aumento médio em torno de 17% no custo da energia elétrica no Brasil e a partir do próximo ano a Aneel já começa a fazer valer o sistema de bandeiras tarifárias, que pode aumentar o preço da energia mensalmente se os custos para atendimento da população estiverem altos. As bandeiras tarifárias serão sinalizadas pelas cores verde, amarela e vermelha que indicarão se a energia custará mais ou menos, em função das condições de geração de eletricidade.

Se o consumo estiver dentro da bandeira verde, a conta de luz não sofrerá um aumento. Mas se estiver na faixa amarela ou vermelha, as contas de luz sofrerão aumentos de R$1,50 ou R$ 3 para cada 100 KWh consumido, respectivamente.

Não deixe de trocar seus aparelhos de ar-condicionado e o ferro elétrico, mas seja bem consciente nos seus gastos. Adquira sempre aparelhos com a classificação A de Eficiência Energética do Inmetro. Também evite usos desnecessários dos aparelhos como passar roupas toda hora, deixar o ar ligado quando não estiver ninguém no local ou deixar as portas e janelas abertas. Faça um controle geral de não deixar luz acesa nem televisão ligada desnecessariamente e controle também o chuveiro elétrico. Boa sorte!

Marco Quintarelli é consultor do Grupo AZO. Segunda-feira, Sucesso nos Concursos.

Últimas de _legado_Economia