Retardatário paga 50% a menos por ovos de Páscoa

Diminuição do poder de compra da população faz as vendas caírem e obriga comércio a apostar em liquidações para escoar os estoques da Semana Santa

Por O Dia

Rio - Quem deixou para comprar os ovos de Páscoa na última hora conseguiu encontrar preços até 50% mais baixos no comércio do Rio. Com as vendas mais fracas, a solução encontrada pelos lojistas foi oferecer descontos para escoar os estoques.

Nas Lojas Americanas, o ovo Serenata de Amor com 220g que custava R$ 29,90 já estava pela metade do preço, a R$ 14,99. Já o ovo Laka de 196g passou de R$ 32,99 para R$ 22,99.

A Casa&Vídeo também oferece descontos até acabarem os estoques, com os ovos de times de futebol do Rio 37% mais baratos: passaram de R$ 44,99 por R$ 27,99.

Pesquisa da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito) em todas as regiões do país mostra que 68% dos entrevistados pretendem gastar menos este ano em comparação à Páscoa do ano passado. É o que pretende a dona de casa Gerusa Serafim, 48 anos. Este ano, ela vai presentear apenas as sobrinhas. 

“Os preços estão muito altos. Deixei pra comprar mais tarde e consegui alguns descontos, deu para economizar, mas mesmo assim não dá para levar chocolate para todo mundo”, diz.

A artesã Ana Cleia Barbosa, 32, comprou chocolates apenas para as filhas e a sogra. “Eu e meu marido combinamos que não compraríamos chocolate para a gente. Na segunda-feira deve estar mais barato, então talvez a gente compre”.

Economista da Confederação Nacional do Comércio (CNC), Fábio Bentes afirma que as lojas terão que fazer liquidações para queimar os estoques. “O comércio tem perdido ritmo com as condições de consumo da população deterioradas”, explica.

Últimas de _legado_Economia