Por bferreira

Rio - O fim do contrato do plano de saúde Amil com 70 mil servidores da Prefeitura do Rio a partir de 1º de junho provoca uma disputa entre Assim e Caberj. As operadoras ampliaram a rede de cobertura e atendimento para absorver uma clientela que há pelo menos dez anos era assegurada pela Amil.

Tanto Assim quanto Caberj garantem estar aptas a receber o grupo e têm expectativas de herdar todos os 70 mil clientes.

Clique e veja os valores da Caberj e Assim

O superintendente-geral da Assim Saúde, Marcelo Teixeira, afirmou para a coluna que, por estar há uma década com o funcionalismo municipal, tem mais chances de cativar os servidores que deixarão de ter o plano Amil. Ele completou que a operadora ampliou a rede de hospitais pensando na nova clientela.

“Fizemos uma pesquisa Ibope entre os servidores municipais e tivemos um elevado índice de satisfação, nota de 7,6, com o funcionalismo declarando estar satisfeitos o com o plano Assim Saúde. Além disso, temos a maior rede própria da América Latina, toda no Rio de Janeiro, com mais de 53 unidades próprias”, detalhou Marcelo Teixeira.

O diretor-geral da Caberj, Haroldo Aquino, citou como diferencial os “tradicionais atendimentos ao funcionalismo público e também de importantes empresas nacionais”. Aquino explicou que a empresa também ampliou as redes de atendimento para atender os servidores da Prefeitura do Rio: “Conseguimos nos adequar a toda rede que era oferecida para os clientes da Amil, principalmente nos planos superiores e com preços muito mais competitivos.”

CREDENCIAMENTO

Haroldo Aquino tranquilizou também os servidores que se tratam com profissionais que não aceitam a Caberj. “Basta ligar para a nossa central e dar o nome do profissional ou unidade médica. Não vamos aceitar a interrupção de um relacionamento entre médico e paciente. Estamos criando um setor específico para cuidar desses casos”, revelou.

EXCLUSIVIDADE

Teixeira garantiu que a Assim Saúde tem uma central de atendimento 24 horas exclusivamente para o servidor da Prefeitura do Rio. “Também oferecemos orientação médica por telefone. Outra opção é o atendimento médico domiciliar em casos de urgência e emergência. Temos especialistas aptos para essas modalidades”, garante.

TABELAS NO SITE

Os servidores que já estão pesquisando os valores dos planos para optar por um deles podem conferir no Dia Online os preços, de acordo com a cobertura. A adesão deve ser feita no site do Previ-Rio, em www.rio.rj.gov.br/web/previrio. É necessário ter uma senha para acessar o sistema e, em sequência, ser redirecionado para as páginas dos respectivos planos.

MIGRAÇÃO AUTOMÁTICA

O superintendente-geral da Assim Saúde, Marcelo Teixeira, declarou à coluna que ficou surpreso com a informação de que os servidores clientes da Amil que não se manifestarem sobre novas adesões serão migrados automaticamente para os planos da Caberj: “Ficamos sabendo disso pela matéria do jornal. Mas estamos confiantes nos nossos diferenciais.”

Você pode gostar