PM cancela concurso para sargento após polêmica em prova

Candidatos passaram mal por exposição ao sol; alguns se negaram a continuar e receberam voz de prisão; corporação afirmou que houve irregularidades

Por O Dia

Rio - Após a polêmica envolvendo a prova para formação de sargentos, realizada neste domingo, no Engenhão, a Polícia Militar cancelou o concurso. Expostos ao sol, diversos candidatos passaram mal, porém, mesmo diante disso, a PM não parou a prova. Além disso, alguns policiais que se recusaram a começar a prova diante do forte calor receberam voz de prisão.

Por meio de nota enviada nesta segunda-feira, a corporação informou que o cancelamento foi motivado por "irregularidades apontadas pelo Centro de Recrutamento e Seleção de Praças (CRSP)”.

Ainda segundo a PM, o relatório preliminar da chefia do CRSP apontou que "houve falhas na fiscalização durante a aplicação da prova, além da inadequada exposição ao sol de alguns candidatos que estavam no setor sul do Engenhão".

A corporação garantiu ainda que planeja realizar nova prova em breve, para cumprir o cronograma, que prevê o início do curso para agosto deste ano. As datas ainda não foram divulgadas.

Alguns policiais chegaram a afirmar que também tiveram de esperar pela prova sob sol forte pna ala sul do estádio. Ao se recusarem a fazê-la, houve discussãos e eles receberam voz de prisão.

Últimas de _legado_Economia