Por bferreira

Rio - Depois do anúncio da contratação de 82 mil temporários para trabalhar na pesquisa do censo agropecuário, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) recebeu ontem autorização do Ministério do Planejamento para selecionar mais 7.825 trabalhadores para atuar na execução de pesquisas econômicas e sociodemográficas.

Agentes vão atuar na execução de pesquisas econômicas e sociodemográficas do IBGEJadson Marques / Agência O Dia

Segundo portaria publicada ontem no Diário Oficial da União (DOU), os candidatos serão escolhidos por meio de processo seletivo simplificado para atender a demanda temporária de interesse público. A autorização prevê a contratação de 7,5 mil agentes de pesquisa e mapeamento, 300 agentes de pesquisa por telefone e 25 supervisores de pesquisa por telefone. As vagas são para as pesquisas rotineiras do IBGE, o que não inclui o Censo Agropecuário.

De acordo com a autorização do Planejamento, o edital para a seleção tem prazo de até seis meses para ser divulgado. O contrato tem duração de um ano, prorrogável por três anos. O IBGE definirá ainda o período das inscrições, os estados aonde serão realizadas as atividades e a remuneração dos profissionais a serem contratados.

COMO SE PREPARAR

Como o edital não foi publicado, a especialista Claudia Jones, do site “Qconcursos. com” aconselha que os estudos sejam feitos pelas provas anteriores. “O último concurso para esses cargos descritos, principalmente dos cargos de agente de pesquisa e mapeam</MC>ento e supervisor, feitos em 2013 e 2014”, ressalta Claudia.

Segundo ela, a última prova para agente de pesquisa, em 2014, foi de 60 questões, envolvendo português , geografia, raciocínio lógico e conhecimentos gerais. A banca responsável foi a Cesgranrio, que mudou para Fundação Getulio Vargas (FGV). “Sendo assim é bom estudar pela banca atual, porque pode ser que seja escolhida a mesma banca para este concurso”, orienta.

A especialista explica que para os cargos de agentes de pesquisa por telefone, a última prova teve edital publicado em 2013, com 60 questões de português, história, atualidades e raciocínio lógico.

“Os editais dos anos de 2013 e 2014 estão disponíveis no nosso site para quem quiser estudar pelas provas anteriores. A ideia é conjugar o estudo teórico mesclado com resolução de questões, nunca mudando para um próximo tópico antes de exaurirem todas as dúvidas por meio de treinamento de questões, intercalando uma disciplina com a outra”, afirma a especialista.

Município do Rio seleciona professores

A Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro (SME/Rio) prorrogou até hoje o prazo de inscrição para o concurso de professor de Ensino Fundamental, na disciplina Educação Física. O edital abriu 130 vagas, com salário incial de R$ 4.866,33, mais acréscimos de benefícios, para o desempenho das atividades durante 40 horas por semana. 

As inscrições estão sendo feitas somente via preenchimento de requerimento específico, disponível no site concurso.rio.rj.gov.br, com taxa de R$ 100,00.

A avaliação dos candidatos será feita por meio de provas objetiva e discursiva (previstas para 28 de fevereiro de 2016), prova de títulos e Curso de Formação Básica. Todas as etapas serão aplicadas no Rio de Janeiro.

Para concorrer, o profissional precisa ter licenciatura plena na disciplina e registro no Conselho Regional de Educação Física (CREF). O prazo de validade da seleção será de dois anos, havendo possibilidade de prorrogação.

IDEAL É SE PREPARAR DESDE JÁ

1. Como posso antecipar os estudos antes mesmo de sair o edital?
— O ideal é que o candidato comece se preparar desde já, uma vez que a prova é aplicada 60 dias após a liberação do edital da seleção. Mesmo sendo vaga temporária, esta é uma ótima oportunidade, pela flexibilidade dos cargos e remuneração atraente.

2. Há alguma matéria específica para começar a estudar?
— A banca Cesgranrio é a mais regular em concursos do IBGE, sendo assim a orientação para os candidatos é que exercitem questões de provas anteriores dessa mesma banca.

3. Quem passar nessa seleção para temporário tem chance de permanecer no IBGE com emprego fixo?
— As regras do concurso são definidas no edital. Para os cargos temporários não é garantido a estabilidade, apenas a prorrogação do edital previsto anteriormente.

Jorge Alonso, Coordenador da Equipe Rio

Você pode gostar