Por bferreira
Rio - Com o consumidor retraído por causa da crise econômica, o comércio está disputando foliões para vender fantasias, mas como muitos itens são importados, é preciso bater perna para comparar preços e achar promoções. Em média, as fantasias estão cerca de 10% mais caras em relação ao Carnaval do ano passado, segundo lojistas.
As amigas Renata Pereira e Larissa Figueiredo foram comprar fantasia na Casa TurunaJoão Laet / Agência O Dia

No Saara, principal área de comércio do Centro do Rio, lojas tradicionais do ramo, como a Casa Turuna e Festa 234, recebiam clientes que mais pesquisavam preços do que compravam.

As amigas Renata Pereira, 17, e Larissa Figueiredo, 18, procuravam ontem uma fantasia pronta na Casa Turuna, uma das casas mais tradicionais de venda de acessórios e fantasias carnavalescas, fundada em 1915,.

“Como falta menos de um mês para o Carnaval, não dá tempo de procurar tecido para mandar montar uma fantasia, então achamos mais fácil e garantido comprar uma fantasia já completa”, explicaram.

Mas é preciso ficar atento na escolha da fantasia pronta, que em alguns casos custam muito mais por ser de fabricante diferente ou mesmo por estar exposta em manequins, atraindo mais atenção do consumidor.

Confira as opções de fantasiasReprodução

A fantasia da Mulher Maravilha, por exemplo, uma das mais procuradas pelo público feminino, na loja Festa 234 custava ontem R$ 195,90, enquanto na casa Turuna, a mesma fantasia saía por R$ 89,00. Já a fantasia da Mulher Oncinha custava R$ 139 na Casa Turuna mas na Festa 234 saia mais em conta, por R$ 130. Já a fantasia da Branca de Neve custava R$ 165,90 na Festa 234 e na Casa Turuna R$100,00. Segundo o supervisor da Festa 234, Alexandre Souza, a procura por fantasias este ano ainda não bombou.

“Acho que é por causa da crise econômica e também, pelo fato de o consumidor ainda não ter se recuperado das compras dos materiais escolares”, analisou.
Publicidade
Outra opção para o consumidor folião, principalmente os que preferem os blocos de rua, que são mais despojados, é montar fantasias com poucas peças.
Com tanta variedade de preços vale fazer uma pesquisa minuciosa sem precisar ir muito longe. No próprio Saara há mais de 600 lojas que vendem uma infinidade de itens, como brincos de penas, coroas de flores, chapéus e arcos de lantejoulas, penas coloridas e purpurina, com preços que permitem montar uma fantasia original com poucos reais.