Setor de chocolate contrata 21 mil temporários para Páscoa

No Estado do Rio são 1.891 oportunidades de três meses. Há chance de efetivação

Por O Dia

Rio - Passado o Carnaval, quem busca oportunidade no mercado de trabalho pode aproveitar a nova frente de contratação de vagas temporárias para a Páscoa. A pouco mais de um mês para comemoração da data, que este ano cai em 27 de março, as maiores produtoras de chocolate do país têm 21 mil oportunidades de empregos. No Estado do Rio, há 1.891 chances.

Kopenhagen e Brasil Cacau contratam funcionários para lojas e também para produção na fábricaDivulgação

A maior parte é voltada para pontos de venda durante três meses e nível de formação exigido para a maioria das ofertas é o Ensino Médio. Os candidatos que já têm experiência no setor têm mais chances de conseguir uma vaga e até ser efetivado.

Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Cacau, Amendoim, Balas e Derivados (Abicap), para atender a demanda deste ano, o setor terá entre outubro de 2015 e março deste anos, 29 mil empregos temporários. Uma parte já foi preenchida.

A Lacta está com 8.500 ofertas de trabalho no país, sendo 750 para vendas no Rio. De acordo com a empresa, além de representar a marca para o consumidor, os vendedores “serão responsáveis por manter a parreira de ovos organizada”. A marca destaca que há chances de efetivação.

Outra loja disputada entre consumidores, a Cacau Show abriu 6 mil vagas temporárias. Desse total, 500 são para o Rio. Já Nestlé e Garoto Nestlé também oferecem, no total, 6 mil vagas para produção e vendas. No Rio, são 641 ofertas. Para conquistar a oportunidade, é preciso ter experiência em atendimento e 2º grau completo.

Dono da Kopenhagen e Brasil Cacau, o grupo CRM vai contratar 650 trabalhadores. No Rio, as vagas são para pontos de venda, mas a empresa não informou quantas são para o estado. A média salarial é de R$ 1.100. É preciso que o candidato tenha experiência de, no mínimo, seis meses em vendas. Também há benefícios como vale-transporte e vale-refeição.

A associação não divulga a estimativa de produção para este ano, mas afirma que o movimento é de alta. “O volume de 2016 ainda não está fechado, pois as indústrias ainda estão produzindo os ovos de Páscoa e outros produtos de chocolate”, declarou o vice-presidente da Abicap, Ubiracy Fonseca.

Ele lembrou que essa é uma boa época para quem quer voltar a trabalhar. “Apesar da situação econômica, houve aumento de 10% nas contratações, principalmente para pontos de venda. As empresas investem para atrair o consumidor”, disse.

FIQUE DE OLHO

LACTA

São 750 vagas no Rio para vendas. Candidatos devem ter, no mínimo, 18 anos de idade e o Ensino Médio completo. Currículo deve ser enviado para pascoarj2016@taolivemkt.com.

NESTLÉ E GAROTO

São 641 vagas no Rio. Para se candidatar, é preciso ter 18 anos de idade ou mais, Ensino Médio completo e experiência em vendas. Inscrições: silvanamalta@fluxxo.com.br e carlaandrade@fluxxo.com.br.

CACAU SHOW

Com 500 vagas no Rio, a empresa contrata candidatos com, no mínimo, 18 anos e experiência. A empresa diz que o currículo deve ser levado na unidade mais próxima.

KOPENHAGEN E BRASIL CACAU

Há 650 ofertas no país. Para vendas, é preciso seis meses de experiência. Contatos: poliana.santos@luandre.com.br; rosangelaprado@globalempregos.com.br e sergio@fenixrh.com.

Últimas de _legado_Economia