Por cadu.bruno

Rio - O Papa Francisco começou sua agenda nesta quinta-feira com uma missa privada na residência oficial da Arquidiocese do Rio, no Sumaré, às 7h30. Às 9h45, ele participa de cerimônia de entrega das chaves da cidade e de bênção às bandeiras olímpicas do Rio de Janeiro, no Palácio da Cidade, na Zona Sul.

Às 11h, o pontífice visitará a comunidade de Varginha, no Complexo de Manguinhos, na Zona Norte da cidade, onde fará discurso.

Papa deixou Sumaré no início da manhã e seguiu para BotafogoOsvaldo Praddo / Agência O Dia


Às 12h30, o Papa terá encontro com peregrinos conterrâneos argentinos, na Catedral Metropolitana do Rio. Segundo o porta-voz da Santa Sé, padre Federico Lombardi, 5 mil peregrinos serão autorizados a participar do encontro, às 12h30, com o pontífice. Eles ganharão crachás e entrarão por ordem de chegada.

“Será uma saudação, um encontro um pouco improvisado. [O papa] pediu o encontro para ver os jovens argentinos e para que os jovens argentinos vejam o papa”, observou Lombardi. Segundo o porta-voz, não há discurso preparado para o encontro “mas, seguramente, o Papa saberá o que dizer”.

O Papa participa pela primeira vez de um evento oficial da Jornada Mundial da Juventude, a festa de acolhida dos jovens, às 18h, em Copacabana.

Movimentação no Sumaré durante saída do PapaOsvaldo Praddo / Agência O Dia


Você pode gostar