Por raphael.perucci

Rio - No Palácio da Cidade, Eduardo Paes tranquilizou seguranças do Vaticano, preocupados com os gestos inesperados do Papa. “Deixa ele”, disse. Depois, Francisco comentou com o prefeito: “Estou fazendo tudo o que você recomendou para a segurança. Que se quebre o protocolo”.

Você pode gostar