Por juliana.stefanelli

Paktia (Afeganistão) - Pelo menos 10 crianças, dois soldados da Otan e um policial morreram nesta segunda-feira em um ataque suicida frente a um colégio na província de Paktia (no leste afegão), no qual 16 civis ficaram feridos, informaram fontes oficiais. "Um suicida que circulava em uma motocicleta detonou os explosivos ao meio-dia no distrito de Samkanai durante a passagem de um veículo da Otan", disse o chefe de Polícia de Paktika, Zalmai Oriyakhel.

"Nesse momento um grupo de crianças saía de um ônibus", explicou a fonte, afirmando que 16 civis ficaram feridos. Um porta-voz da missão do Otan no Afeganistão (Isaf), Daniel Wallace, informou que dois soldados da organização internacional também faleceram no ataque, embora, como de costume, não tenha dado mais detalhes nem revelou a nacionalidade dos mortos. Neste ano, sem contar os militares mortos nesta segunda-feira, um total de 71 soldados da Isaf no Afeganistão morreram, de acordo com o site independente icasualties.org.

Os atentados suicidas, junto com os artefatos explosivos improvisados, são os métodos mais recorrentes dos talibãs para bater nas forças afegãs e internacionais, embora na prática deixem um alto número de vítimas civis. Segundo relatório da ONU publicado em fevereiro, a guerra no Afeganistão deixou ao longo de 2012 um total de 2.759 civis mortos e 4.805 feridos. No Afeganistão está em andamento o processo de retirada das tropas internacionais, que deve terminar em 2014 se forem cumpridos os prazos previstos.

Você pode gostar