Por helio.almeida
Derek aparece sujo de sangue no rosto e nos braços%2C ao lado do corpo da esposaReprodução Internet

Estados Unidos - O norte-americano Derek Medina, de 31 anos, se entregou à polícia após matar a esposa, Jennifer Alonso, nesta quinta-feira, em Miami, nos Estados Unidos. Antes, ele tirou uma foto do corpo e postou no Facebook, com a mensagem: "Vou ser preso (...), eu amo vocês, galera". As informações são do jornal NY Daily.

“Eu vou para a prisão ou pegar uma pena de morte por ter matado minha esposa. Eu amo vocês, galera. Eu vou sentir falta de vocês, galera. Cuidem-se. As pessoas do Facebook vão me ver nos jornais”, disse Deerek no post, onde aparece sujo de sangue no rosto e nos braços, ao lado do corpo da esposa.

O homem se explicou aos policiais que perdeu a cabeça depois de uma briga do casal. O crime aconteceu na casa dos dois. O casal estava junto desde abril do ano passado. Na casa, estava a filha de Jennifer, de 10 anos, que estava ilesa. As autoridades de Miami não divulgaram se a criança presenciou a morte da mãe.

Derek ainda usou a rede social para tentar se justificar: “Minha esposa estava me batendo e eu não vou aguentar mais esse abuso. Então, eu fiz o que eu fiz. Espero que vocês me compreendam”. Logo após sair de casa, o americano se entregou em um delegacia e confessou o assassinato.

Você pode gostar