Japão precisa de mais U$30 bi para limpeza de Fukushima

Empréstimo adicional marcaria um reconhecimento pelo vazamento decorrente do pior acidente nuclear do mundo desde Chernobyl

Por O Dia

Japão - O governo do Japão finaliza um plano de contrair um empréstimo adicional de 3 trilhões de ienes (30 bilhões de dólares) para pagar compensações a pessoas removidas em Fukushima e limpar a área ao redor da usina nuclear atingida por um terremoto seguido de tsunami em 2011, disseram fontes próximas ao assunto.

O empréstimo adicional marcaria um reconhecimento tanto da escalada dos custos do projeto como da dificuldade de se chegar às metas iniciais para reduzir os níveis de radiação nas cidades e vilas mais gravemente atingidas pelo vazamento decorrente do pior acidente nuclear do mundo desde Chernobyl.

O novo programa de empréstimo do governo aumentaria o montante empregado em gastos relacionados a Fukushima de 50 bilhões de dólares para um equivalente a 80 bilhões de dólares, de acordo com autoridades do governo com conhecimento do plano em fase de desenvolvimento.

Os 80 bilhões de dólares excluem o custo de desativação dos seis reatores de Fukushima, um processo que se espera levar 30 anos ou mais.

Vista da usina nuclear de Fukushima. Tanques contendo água contaminada podem ser vistos na parte inferior da fotoReuters


Últimas de _legado_Mundo e Ciência