Acusada de assédio por Alec Baldwin, atriz é repreendida durante julgamento

Apesar da chamada de atenção, Generviève Sabourin continuou interrompendo a sessão e ainda ofendeu Hilaria Baldwin, mulher do ator

Por O Dia

Alec Baldwin acusa a atriz canadense Generviève Sabourin de assédioReprodução Internet

Nova York, (EUA) - Durante uma audiência do julgamento de uma ação movida pelo ator Alec Baldwin contra a atriz canadense Generviève Sabourin, a acusada teve que ser repreendida pelo juiz que instruía o caso em Nova York por ter interrompido os depoimentos do litigante, a quem acusou de mentiroso. O jornal "Daily News" divulgou nesta terça-feira que o protagonista da série "30 Rock" e de filmes como "Caçada ao Outubro Vermelho" viveu uma intensa jornada judicial em Nova York, na qual foi repreendido pela acusada aos gritos de "mentiroso" e "não posso acreditar que você esteja fazendo isso! Vou provar que tivemos uma relação sexual", enquanto fazia seu depoimento.

"A senhora Sabourin. Peço que baixe o seu tom de voz e que, caso resolva continuar, será acusada de desacato por desobedecer minhas ordens", disse o juiz do caso, Robert Mandelbaum, à acusada. No entanto, as interrupções da atriz canadense continuaram e se estenderam à mulher de Baldwin, Hilaria Baldwin, com quem se casou em 30 de junho de 2012 e que teve que ouvir da suposta ex-amante de seu marido coisas como "você vai para o inferno, Hilaria".

Geneviève Sabourin foi presa no dia 8 de abril de 2012 quando apareceu no apartamento de Baldwin em Nova York, após enviar vários e-mails e mensagens afirmando que estava apaixonada por ele, que queria ter um filho com o ator e que necessitava de dinheiro. Baldwin e Sabourin trabalharam juntos pela primeira vez em 2002, na rodagem do filme "Pluto Nash", no qual o ator fez uma pequena participação especial.

O dia problemático só ficou completo para o ator após uma briga com um fotógrafo do "New York Post", Gary Miller, um conhecido de outras ocasiões e com quem teve uma discussão antes de entrar no tribunal e que terminou após a saída do ator, que disse ao fotógrafo "espero que você se afogue até morrer".

Últimas de _legado_Mundo e Ciência