Por adriano.araujo, adriano.araujo
Montevidéo - O presidente do Uruguai, José Mujica, compareceu à cerimônia de posse de seu nome ministro das Finanças, Mario Bergara, usando sandálias, nesta quinta-feira. Conhecido pela sua simplicidade, ele também trajava roupas simples, destoando da formalidade do evento.

Bergara assume o posto após a renúncia de Fernando Lorenzo, que responde a processo no caso da liquidação da companhia aérea Pluna, que faliu em 2012.

Mujica sente perda

Em pronunciamento a jornalistas, Mujica disse que o governo uruguaio "sente a perda" de Fernando Lorenzo. Ele também enumerou as ações empreendidas pelo Executivo para evitar a quebra da Pluna e, uma vez ocorrida, para tentar minimizar os custos. Mas "é óbvio que os resultados para nada foram satisfatórios" e a Justiça "resolverá se foram cometidos erros instrumentais", afirmou o presidente. "Lorenzo nos entregou a renúncia por própria iniciativa (pouco antes de se apresentar à juíza do Crime Organizado) buscando facilitar o caminho à Justiça", afirmou o chefe de Estado uruguaio.

Mujica durante cerimônia de posse do novo ministro de Finanças do UruguaiDivulgação
Mujica compareceu à cerimônia de posse de ministro de sandáliasReuters