Por helio.almeida

Alemanha - Durante a celebração de uma missa de Natal no dia 25 na Alemanha, uma integrante seminua do Femen, grupo feminista de origem ucraniana, invadiu a Catedral de Colônia. Josephine Witt, de 20 anos, subiu no altar exibindo no corpo a frase "Eu sou Deus". O objetivo do protesto foi atacar a posição antiaborto do Vaticano. A manifestante de topless foi retirada à força do templo.

Integrante do Femen invade missa de NatalReprodução Internet
Integrante do Femen invade missa de NatalReprodução Internet









Você pode gostar