Rússia nega advertências sobre risco de atentado em aviões que vão para Sochi

O Departamento de Segurança Nacional (DHS) dos EUA enviou alerta às companhias aéreas que voam para a Rússia para serem cuidadosas com possíveis explosivos

Por O Dia

Rússia - O Ministério das Relações Exteriores russo disse nesta quinta-feira que as informações de alguns meios de comunicação sobre uma suposta ameaça de atentados terroristas em aviões que voem para Rússia durante os Jogos de Sochi não passam de um "mal-entendido".

"Em referência aos voos com perigo de explosões, se trata de algum mal-entendido ou de uma má tradução", disse em entrevista coletiva Alexáner Lukashevich, porta-voz do Ministério.

Lukashevich reagiu assim às informações divulgadas nesta quinta-feira de que o Departamento de Segurança Nacional (DHS) dos EUA enviou um alerta às companhias aéreas que voam para Rússia e, especialmente para Sochi, para que sejam especialmente cuidadosas com possíveis explosivos escondidos.

Anéis olímpicos no aeroporto de Sochi onde serão realizados os Jogos Olímpicos de InvernoReprodução Internet

Segundo as informações, apesar do alerta, não existe constância de nenhuma ameaça específica e as companhias aéreas com voos diretos à Rússia já foram notificadas e depende delas e das autoridades dos países competentes a mudar as normas de bagagem de mão.

No mês passado, as autoridades russas pediram que as companhias aéreas não permitam líquidos de nenhum tamanho em bagagens de mão em voos com destino a Sochi.

O porta-voz russo lembrou nesta quinta que foram tomadas diversas medidas de segurança em torno dos Jogos Olímpicos de Sochi, que começam nesta sexta-feira.


Últimas de _legado_Mundo e Ciência