Por leonardo.rocha

México - A secretaria de Saúde do México informou que diferentes tipos de gripe já provocaram a morte de pelo menos 421 pessoas no país em 2014. A maior parte delas, 390, faleceram após contrair o vírus Influenza A (H1N1).

Ao todo, os dados oficiais apontam que 3.679 casos de gripe foram registrados este ano, sendo 3.114 da variante H1N1. Segundo os peritos, esse vírus, que provocou uma pandemia em 2009, converteu-se em um vírus de estação.

O México foi o primeiro dos 35 países independentes das Américas afetado pelo vírus Influenza A(H1N1), que atingiu todo o continente a partir de março de 2009. Em 26 desses países foram registradas mortes em decorrência da gripe A.

Em um ano, desde o início da pandemia, o vírus H1N1 causou a morte de mais de 1.100 pessoas no México e de 3 mil nos Estados Unidos. No Brasil, a gripe A foi responsável pela morte de mais de 2 mil pessoas.

A secretaria de Saúde do México ressaltou que o vírus provoca quadros mais graves em adultos entre 35 a 55 anos que tenham alguma doença crônica, como obesidade e diabetes.

Você pode gostar