Por julia.sorella

EUA - O Pentágono anunciou, nesta sexta-feira, que um navio e um avião de vigilância americanos se dirigiram para o mar de Andaman e o golfo de Bengala, no Oceano Índico, para continuar a busca pelo avião da Malaysia Airlines, que desapareceu há uma semana, quando saiu da Malásia em direção à China, com 239 passageiros.

"A pedido da Malásia, o 'USS Kidd' está no norte do Estreito de Malaca, no que chamamos de zona de busca ocidental", afirmou o coronel Steven Warren, porta-voz do Pentágono. Warren contou que o avião de vigilância P-8 Poseidon vai procurar pela aeronave na zona setentrional da baía de Bengala e no norte do Oceano Índico.

Buscam pelo Boeing 777 que sumiu há uma semana continuamReuters

Sumiço do avião

O voo 370 da Malaysia Airlines desapareceu entre Kuala Lumpur e Pequim, na madrugada do último spabado, com 239 pessoas a bordo. Equipes de busca ainda não conseguiram confirmar nenhuma descoberta de destroços no mar.

Mais de uma dezena de países estão ajudando a Malásia na investigação, com 42 navios e 39 aeronaves utilizadas no rastreamento. A China também disse que sua força aérea vasculharia áreas no mar.

Você pode gostar