Por julia.sorella

Londres - Os Rolling Stones anunciaram nesta terça-feira a suspensão de todos os shows de sua turnê "14 On Fire" pela Austrália e Nova Zelândia, após a morte ontem da namorada de Mick Jagger, a americana L'Wren Scott.

A banda britânica, que já tinha adiado a apresentação programada para amanhã em Perth, no oeste da Austrália, informou em seu site oficial que "lamenta profundamente anunciar o adiamento do resto da turnê".

Mick Jagger e L'Wren Scott estavam juntos desde 2001Reuters

As datas dos sete shows previstos entre 19 de março e 5 de abril foram adiadas até novo aviso e a banda britânica agradeceu o apoio dos fãs perante a morte inesperada da estilista e namorada de Jagger durante os últimos 13 anos. O líder da banda, que tinha afirmado que não compreende como sua namorada morreu tão "tragicamente", se mostrou comovido "pelas mensagens pessoais de apoio que recebeu".

"Jagger, Keith Richards, Charlie Watts e Ronnie Wood (integrantes do grupo) querem agradecer a todos os fãs seu apoio nestes momentos difíceis e esperam que entendam as razões para este anúncio", afirmam os Rolling Stones no comunicado. Dias antes da morte de Scott, o grupo confirmou duas apresentações na Holanda e na Bélgica para junho, quando devem abrir uma turnê europeia.

Você pode gostar