Por julia.sorella

Buenos Aires - Duas pessoas, uma delas uma menina de cinco meses, morreram depois que um ônibus caiu de uma ponte na província argentina de Misiones, informaram nesta segunda-feira fontes oficiais.

O acidente ocorreu neste domingo quando uma ponte cedeu sobre um arroio, cerca de 150 quilômetros da capital de Misiones, Posadas, enquanto um ônibus de passageiros transitava sobre a estrutura. Um dos passageiros morreu no próprio domingo, ao qual uniu-se nesta segunda-feira uma bebê de cinco meses, que estava internada em um hospital em estado grave, segundo confirmou o ministro da Saúde Pública de Misiones, Oscar Herrera Ahuad.

Em entrevista à imprensa local, Ahuad afirmou que há 16 pessoas internadas em diversos hospitais, uma delas em estado grave. A ponte tinha permanecido fechada para trabalhos de reparação e foi habilitada provisoriamente na quarta-feira passada pela Direção Provincial de Viabilidade de Misiones para veículos de até cinco toneladas de carga

O chefe de gabinete da presidente Cristina Kirchner, Jorge Capitanich, se comunicou nesta segunda-feira com o governador de Misiones, Maurice Closs, a quem ofereceu ajuda para reparar a ponte.

Você pode gostar