Por thiago.antunes

Rio - A campanha nacional de vacinação contra a gripe começa nesta terça-feira nos postos de saúde de todo o país. Na cidade do Rio a meta é imunizar 80% do público alvo da campanha, um universo de cerca de 1,25 milhão de pessoas. A mobilização se estende até o dia 9 de maio.

Marina e a sua bisavó%2C Dirce Muylaert%3A campanha deste ano atende também crianças de até 5 anosJoão Laet / Agência O Dia

O Dia Nacional de Mobilização, marcado para o próximo sábado, será o ponto alto do mutirão de vacinação. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde a imunização ocorrerá não só nas unidades de saúde, mas também em escolas, creches e praças. “Alguns postos também vão ter atividades lúdicas para entreter e conscientizar o público”, explicou Hans Dohman, secretário de Saúde.

Este ano o Ministério da Saúde ampliou o acesso à vacina às crianças de dois a cinco anos de idade. O objetivo é diminuir número de casos fatais e hospitalizações por complicações da gripe. “Até cinco anos, a influenza é uma das maiores causas de atendimento em pronto-socorro e ambulatórios”, analisou Isabela Ballalai, presidente da Sociedade Brasileira de Imunizações no Rio.

Mesmo com a ampliação continuam sendo alvos prioritários da campanha crianças de seis meses a dois anos, idosos (com 60 anos ou mais), doentes crônicos, profissionais de saúde, índios, gestantes, mulheres que deram luz até 45 dias antes da vacinação, detentos e funcionários do sistema prisional.

A aposentada Dirce Muylaert, 87, se vacina todo ano ao lado da bisneta Marina, de 2 anos e 9 meses — agora incluída na campanha. Quem acompanha é a assessora jurídica Gabriela de Barros, de 31, neta de Dirce e mãe de Marina. “Acho importante levar as duas. Primeiro por recomendação médica, segundo porque em abril começam surtos de gripes”, disse Gabriela.

Por dentro da campanha

Na cidade do Rio serão cerca de 200 salas de vacinação em todos os centros municipais de saúde e Clínicas da Família.

Os postos de saúde funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Amanhã (23) não haverá expediente.

A composição do imunizante é reformulada a cada ano. Por isso é importante que todas as pessoas identificadas em algum dos grupos prioritários tomem a vacina anualmente. A fórmula desse ano previne contra os subtipos H1N1, H3N2 e B do vírus influenza.

Você pode gostar