Por julia.sorella

França - Para facilitar a identificação de usuários da maconha, uma empresa francesa criou um "maconhômetro", que verifica a quantidade de cannabis no organismo pela urina. O "cannabis Verdict", que está sendo vendido em tabacarias francesas, pode ajudar a descobrir se motoristas estão dirigindo sob o efeito da droga, ou até mesmo se a droga está sendo usada por alunos ou funcionários de uma empresa, já que o consumo no país é proibido.

O teste custa 3,50 euros, cerca de R$ 11, e vem com um livro de 24 páginas sobre os riscos à saúde e a legislação internacional em relação ao uso de drogas. O resultado demora apenas 15 minutos para ser revelado.

"Maconhômetro" é vendido em tabacarias francesasDivulgação

Aproximadamente 100 mil testes já foram vendidos desde o lançamento do kit, em fevereiro. O dono da empresa que idealizou o "maconhômetro", Elicole, disse que a novidade também está sendo usada por escolas. "Estamos trabalhando também com a rede de ensino. Enfermeiras de colégios e liceus franceses utilizam o teste como uma ferramenta de prevenção", afirma Marc Elie.

O produto já foi lançado no Canadá e chegará em breve nos EUA. Segundo Elie, ele também deve ser distribuído em países da América do Sul.

Você pode gostar