Hamas afirma ter matado soldados israelenses no norte de Gaza

Milicianos já fizeram ataque parecido. Ao menos 34 militares israelenses foram mortos em choques armados

Por O Dia

Gaza / Jerusalém - As Brigadas Izz al-Din Aassam, braço armado do Hamas, afirmaram ter matado oito soldados israelenses em um ataque cometido nesta quinta-feira com uma granada antitanque contra um blindado para o transporte de forças de infantaria.

Caso seja confirmado, este seria o pior ataque deste tipo já sofrido por Israel, segundo informou a agência local "Maan", a ação, que não foi confirmada pelo exército israelense, ocorreu na manhã desta quinta-feira no bairro de Tufah, no noroeste de Gaza capital.

Até agora pelo menos 34 militares israelenses nos choques armados com o HamasReuters

O grupo afirmou que seus homens destruíram o veículo blindado com um antitanque RPG29, e que enfrentaram soldados israelenses em duas zonas da cidade de Beit Hanoun, foco nesta quinta-feira dos combates mais duros na Faixa de Gaza.

No último domingo, a reivindicação pelo Hamas de um ataque similar no bairro de Shahaiya foi confirmada posteriormente pelo exército, assim como o número de vítimas, seis mortos e um desaparecido supostamente em poder dos islamitas. Os milicianos do Hamas mataram até agora pelo menos 34 militares israelenses nos choques armados que se desencadearam na Faixa de Gaza desde que começou há uma semana a ofensiva terrestre da operação Limite Protetor.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência