Por leonardo.rocha

Gaza - Um ataque israelense matou cerca de nove pessoas da mesma família em uma casa na cidade de Rafah, na Faixa de Gaza. Um menino de aproximadamente 10 anos foi encontrado ainda com vida sob os escombro, pedindo por ajuda. Somente neste domingo, cerca de 40 pessoas morreram na região por causa dos ataques aéreos.

Criança é encontrada com vida em GazaReuters


Também neste domingo, pelo menos 10 pessoas morreram e 30 ficaram feridas em um ataque aéreo israelense a uma escola da ONU na Faixa de Gaza. O Exército israelense disse que está investigando o ataque, que alcançou a segunda escola em menos de uma semana.

De acordo com testemunhas e médicos, um míssil disparado por um avião atingiu a entrada da escola, na cidade de Rafah. Palestinos da região, onde as tropas israelenses estão enfrentando milicianos, haviam se abrigado no prédio.

Garoto é retirado de casa após bombardeio%2C em GazaReuters


O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, classificou a ofensiva deste domingo como "um ato criminoso". A organização já alertou que o conflito pode se transformar em um "desastre com proporções generalizadas".
Segundo a Unicef divulgou neste sábado, 296 crianças já haviam morrido, antes do bombardeio deste domingo, em decorrência da ofensiva irsraelense na Faixa de Gaza.

Você pode gostar