Uruguaios vão às urnas para definir presidente neste domingo

Candidato socialista é favorito, com cerca de 53% das intenções de voto

Por O Dia

Uruguai - Os colégios eleitorais no Uruguai abriram neste domingo às 8h (local, mesma de Brasília) para que 2,6 milhões de uruguaios definam o futuro presidente do país entre o governista Tabaré Vázquez, claro favorito, e o opositor Luis Lacalle Pou.

A chuva é protagonista do dia, e o Instituto Uruguaio de Meteorologia (INUMET) emitiu um alerta laranja para todo o país devido à possibilidade de "tempestades fortes" e "chuvas copiosas" entre 50 e 100 milímetros em seis horas e "pontualmente superiores" aos 100 milímetros em 24 horas. Também são esperadas rajadas de vento entre 75 e 120 km/h, precipitação de granizo e tempestades elétricas

Mujica recebeu carinho da população em colégio eleitoral neste domingoReuters

Tabaré Vázquez, socialista e oncologista de 74 anos, candidato da governante coalizão de esquerda Frente Ampla, que foi presidente do Uruguai entre 2005 e 2010 é o favorito. As pesquisas dão a ele entre 52% e 53% dos votos.

Lacalle Pou, do Partido Nacional, "Blanco", é advogado, foi presidente da Câmara dos Deputados e tem entre 35% e 38% das preferências. A Corte Eleitoral prevê divulgar os primeiros resultados oficiais hoje ainda por volta das 23h.

As urnas estarão abertas até 19h30 com possibilidade de ampliação de até uma hora caso ainda haja cidadãos dentro das seções eleitorais.

 

Últimas de _legado_Mundo e Ciência