Kim Jong-Un faz ameaças

Dirigente da Coreia do Norte estaria dando resposta a Obama

Por O Dia

Pyongyang - O dirigente norte-coreano Kim Jong-Un afirmou que Pyongyang não ficará de braços cruzados “com cães raivosos latindo” sobre derrubar seu sistema socialista, no que aparentemente foi uma resposta a comentários do presidente americano, Barack Obama, feitos em 22 de janeiro.

Kim Jong-Un%3A Coreia do Norte enfrentará “qualquer tipo de guerra”Reuters

Kim fez as declarações ao supervisionar manobras conjuntas da Marinha e da Aeronáutica norte-coreanas, que simularam um ataque contra um porta-aviões americano na Coreia do Sul. A agência de notícias oficial norte-coreana não divulgou detalhes nem a data das simulações, que teriam acontecido sexta-feira.

Kim declarou que a Coreia do Norte “não ficará com os braços cruzados com os cães raivosos que latem abertamente que vão provocar a queda (do regime), introduzindo ‘mudanças’ no sistema socialista, um berço que nosso povo considera mais caro que a própria vida.”

O dirigente afirmou ainda que a Coreia do Norte está disposta a enfrentar “qualquer tipo de guerra, seja com Forças Armadas convencionais ou uma guerra nuclear”.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência