Câmara da Argentina escolhe juiz para investigar denúncia contra Kirchner

Juiz Daniel Rafecas, especializado em direitos humanos e nos horrores do Holocausto, investigará a denúncia do promotor

Por O Dia

Argentina - A Câmara Federal da Argentina decidiu nesta quarta-feira que o juiz Daniel Rafecas, especializado em direitos humanos e nos horrores do Holocausto, investigará a denúncia do promotor federal Alberto Nisman contra a presidenta Cristina Kirchner.

Nisman foi encontrado morto no dia 18 de janeiro, no banheiro do apartamento onde morava, em um bairro nobre de Buenos Aires.

Câmara argentina escolhe juiz para investigar denúncia contra Cristina KirchnerReuters

O procurador acusou Cristina e o chanceler argentino Hector Timerman de terem negociado com o Irã um plano para encobrir os responsáveis pelo ataque terrorista de 1994, contra o Centro Comunitário Judaico, em Buenos Aires, que matou 85 pessoas e deixou centenas feridas.

A Câmara Federal escolheu o juiz Rafecas para encerrar um debate entre ele e outros dois juízes sobre qual deles deveria ser o responsável pela continuidade das investigações sobre o caso.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência