Ataque mata dois após cessar-fogo

Civis foram vítimas de mísseis na Ucrânia

Por O Dia

Ucrânia - Duas pessoas morreram em Popasna, na Ucrânia, após o horário marcado (meia-noite) para o início do cessar-fogo acertado na quinta-feira entre os governos ucraniano e russo. Segundo o Exército, as vítimas, civis, foram mortas por mísseis.

Segundo informe do governo ucraniano, depois das 3h, horário local, não foram registradas mais ações militares no país. Observadores internacionais confirmaram a suspensão dos ataques.

O presidente da França, Françoise Hollande, divulgou nota em que classifciou o cessar-fogo como “altamente satisfatório”. Ele e a primeira-ministra da Alemanha, Angela Merkel, mediaram o acordo de cessar-fogo firmado pelos presidentes da Ucrânia e da Rússia, Petro Poroshenko e Vladimir Putin. O objetivo é acabar com o conflito, que matou 11 mil pessoas desde abril.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência