Michele Ferrero, criador da Nutella, morre aos 89 anos

Considerado o homem mais rico da Itália, o empresário também era proprietário dos chocolates Ferrero e Kinder Ovo

Por O Dia

Mônaco - Michele Ferrero, criador da Nutella e proprietário do grupo de confeitaria italiano Ferrero, morreu neste sábado, aos 89 anos, em Monte Carlo, no principado de Mônaco, após meses de luta contra uma doença. Considerado o homem mais rico da Itália, com um patrimônio estimado de US$ 23 bilhões pelo índice Bloomberg, Ferrero incluía em seu grupo os chocolates Ferrero Rocher e o Kinder Ovo.

Ferrero tinha um patrimônio estimado em US%24 23 bilhões (mais de R%24 65 bilhões)Reuters


O presidente da Itália, Sergio Mattarella, enviou um telegrama à família no qual afirma que recebeu com emoção a notícia da morte de Michele Ferrero, a quem reconhece por seu "espírito empreendedor, conhecido e admirado na Itália e no exterior".

Segundo um comunicado divulgado no site da presidência italiana, Ferrero foi "durante muitos anos uma figura de destaque da indústria italiana". Além disso, o presidente destacou que a "Itália lembra com gratidão por seu trabalho de apoio e promoção da cultura". A Ferrero é um dos maiores grupos de confeitaria do mundo, presente em 53 países com mais de 34 mil funcionários.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência