Por clarissa.sardenberg

França - Cerca de 300 túmulos foram encontrados revirados em um cemitério judeu em Sarre-Union, no nordeste da França, segundo a CNN. Segundo o promotor Philippe Vannier, cinco menores foram detidos pelo ato nesta segunda-feira. De acordo com a emissora norte-americana, grande parte deles foi pichado com o símbolo nazista e algumas sepulturas foram abertas.

Os detidos têm entre 15 e 17 anos, moram na região e não possuem antecedentes criminais. Segundo o promotor, um deles se apresentou voluntariamente à polícia após perceber a gigante repercussão que a ação no cemitério teve. O Ministro do Interior da França classificou o ato como "desprezível".

Polícia investiga ato em cemitério judeu na França Reuters

Atos de anti-semitismo estão causando medo e polêmica na Europa. Dois atentados terroristas deixaram dois mortos, em Copenhague, na Dinamarca, neste sábado. Omar Abdel Hamid El-Hussein matou um cineasta em um debate pala liberdade de expressão e em segida um segurança de uma sinagoga local. Ele foi morto pela polícia dinamarquesa neste domingo.

Neste domingo, o premiê Benjamin Netanyahu pediu aos judeus europeus que imigrem para Israel. "Não deixarei que palavras pronunciadas em Israel deixem pensar que os judeus não têm seu lugar na Europa e na França", afirmou o presidente francês François Hollande. Quem também se manifestou foi a chanceler Angela Merkel que declarou nesta segunda-feira que os cidadãos judeus e suas instalações e estabelecimentos estão bem protegidos na Alemanha.

Você pode gostar