Por clarissa.sardenberg

Dinamarca - Cerca de 500 pessoas compareceram nesta sexta-feira ao enterro de Omar Abdel Hamid El Hussein, o autor dos atentados em Copenhague no último fim de semana, nos quais morreram duas pessoas, além do atirador.

Hussein, um jovem de 22 anos nascido na Dinamarca e de origem palestina, foi enterrado no cemitério muçulmano de Brondby, ao oeste de Copenhague, diante de dez policiais que vigiavam a região.

Antes do enterro havia sido realizada uma cerimônia na grande mesquita situada na parte norte da cidade, de onde o corpo foi transferido de carro até o cemitério.

Enterro de Omar Abdel Hamid El Hussein%2C autor dos atentados em Copenhague no fim de semana passadoReuters

No último sábado, o jovem atirou contra um centro cultural onde era realizado um debate sobre a liberdade de expressão, com a presença do artista sueco Lars Vilks, ameaçado por islamitas. Um cineasta dinamarquês de 55 anos morreu e três policiais ficaram feridos no tireteio.

Perto da meia-noite, no mesmo dia, Hussein matou com um tiro um jovem judeu e feriu dois policiais que faziam guarda diante em uma sinagoga no centro da capital. O jovem foi morto a tiros pela polícia durante a madrugada, no norte da cidade, após responder com tiros aos pedidos para abaixar as armas, segundo a versão policial.

Você pode gostar