Por tamara.coimbra

Afeganistão - Pelo menos 31 pessoas morreram e outras 30 estão desaparecidas no Afeganistão como consequência de várias avalanches registradas nas últimas 24 horas em meio a um temporal de neve que castiga o Nordeste do país, informou nesta quarta-feira à Agência Efe uma fonte oficial. O Governador da província de Panjshir, Abdul Rahman Kabiri, indicou que, além disso, pelo menos 15 pessoas estão presas "em zonas remotas" dessa demarcação territorial no Nordeste.

Kabiri assegurou que todas as estradas que levam a Bazarak, capital provincial, estão interrompidas após as fortes tempestades de neve que castigam a região, e mostrou sua preocupação sobre a possibilidade de que aumente o número de mortos. Cerca de 60 casas foram destruídas pelas avalanchas de neve, acrescentou Kabiri.

As péssimas condições climatológicas impediram que os serviços de resgate chegassem às zonas mais afetadas pelas avalanches e só puderam atender as vítimas do temporal que estavam na capital.

A situação climatológica durante os últimos dias está sendo particularmente adversa no Nordeste do Afeganistão. No último domingo, na província de Badajshan, 12 pessoas morreram em uma avalanche que destruiu suas casas enquanto dormiam.

Você pode gostar