Vestido polêmico surge em campanha pelo fim da violência contra a mulher

Modelo com hematomas pelo corpo usa a versão branca e dourada da peça que ficou famosa por ilusão de ótica

Por O Dia

Rio - A instituição de caridade Exército da Salvação usou o polêmico vestido, que uns enxergavam branco e dourado e outros preto e azul, para chamar atenção para violência contra a mulher em sua mais nova campanha. Nesta sexta-feira, a entidade publicou a foto da campanha em sua rede social. Na imagem, uma modelo com hematomas pelo corpo usa a versão branca e dourada do vestido.

Exército da Salvação aproveitou polêmica com vestido para chamar atenção para violência contra a mulher Divulgação

"Por que é tão difícil ver azul e preto?", questiona a campanha. "A única ilusão é você acreditar que foi escolha dela. Uma em cada seis mulheres é vítima de abuso. Pare a violência contra a mulher”, afirma.

A imagem divulga ainda a Carehaven, uma casa administrada pelo Exército da Salvação, que abriga mulheres, com seus filhos, que sofreram agressão de qualquer tipo. Segundo a instituição, mais de cinco mil pessoas já receberam assistência no local.

Especialista esclarece polêmica sobre a cor do vestido que 'quebrou a Internet'

Confira: Memes sobre a cor do vestido bombam na Internet

Últimas de _legado_Mundo e Ciência