Na TV, presidente do Irã diz que honrará acordo nuclear

No pronunciamento, Rowhani chamou o acordo de histórico

Por O Dia

Irã - Em pronunciamento em cadeia nacional de rádio e televisão, o presidente do Irã, Hasan Rowhani, garantiu que o país honrará com os compromissos acertados no plano de ação para o acordo sobre o programa nuclear. Ele argumentou, no entanto, que as demais potências precisam cumprir sua parte no acordo.

Pelo cronograma, o Irã se compromete a fechar três de suas cinco usinas de combustível nuclear e limita o enriquecimento de urânio em 3,67%, suficiente para geração de energia. Em troca,os Estados Unidos e a União Europeia começarão a retirar as sanções ao país.

No pronunciamento, Rowhani chamou o acordo de histórico. Observou, no entanto, que Estados Unidos, Reino Unido, França, Rússia, China e Alemanha devem se comprometer com suas obrigações.
“Nós não trapaceamos. Não temos duas caras. Se nos comprometemos com alguma coisa, agiremos de acordo com o que foi determinado. Claro que isso depende também que o outro lado também cumpra suas promessas”, disse Rowhani.

O acordo foi recebido com festa pela maioria dos iranianos. Milhares de pessoas foram às ruas de Teerã com bandeiras do país, fizeram um buzinaço e gritaram palavras de apoio ao presidente.

A comemoração se repetiu na manhã de ontem no aeroporto da capital iraniana, na chegada do chanceler Mohammad Javad Zarif, que assinou o plano de ação, e do negociador-chefe do programa nuclear, Ali Akbar Salehi.

O líder das orações em Teerã, aiatolá Mohammad Emami-Kashani, deu as bênçãos ao acordo. “O time negociador é firme, sábio e calmo. O líder supremo dá apoio a seus representantes e realmente temos que dar os parabéns a eles.”

Últimas de _legado_Mundo e Ciência