Por clarissa.sardenberg

Nova Zelândia - Um homem de 56 anos foi condenado nesta quarta-feira por estuprar mulheres em uma série de ataques bizarros, que incluíam arrancar os dentes, com alicate e sem anestesia, das vítimas com quem fazia sexo. Philip Hansen, da Nova Zelândia, foi culpado de seis das 10 acusações pelo júri, segundo o The Guardian. O acusado tinha "tara" por senhoras banguelas.

O advogado de Hansen alegou que o atos realiazados na cama do seu cliente eram consensuais. Uma de suas vítimas chegou a perder quatro dentes de uma vez. Os atos ocorrerram entre 1988 a 2011. Ele permanecerá sob custódia da Justiça até junho, quando a sentença será anunciada.

Homem arrancava dentes das vítimas com alicate (imagem ilustrativa) Reprodução Internet


Você pode gostar