Pepe Mujica nega ter conversado com Lula sobre mensalão

Em livro, ex-presidente brasileiro afirmou que teve que lidar com 'coisas imorais', mas sem se referir ao escândalo de corrupção

Por O Dia

Brasília - A suposta confissão de Lula ao ex-presidente uruguaio Pepe Mujica de que o mensalão seria a única forma de governar o Brasil e, consequentemente estaria envolvido no caso, foi desmentida. Mujica negou, na última sexta-feira, que tenha tido qualquer conversa sobre o mensalão com Lula ou com qualquer outra pessoa sobre o assunto.

A polêmica começou a partir de um diálogo entre os ex-governantes do Brasil e do Uruguai transcrito no livro 'Uma ovelha negra no poder', biografia de Mujica. Nele, Lula afirma que durante seus mandatos teve que lidar com coisas imorais, chantagens.

Lula e Mujica em foto de arquivoEfe

Segundo o jornalista Andrés Danza, um dos autores da publicação, o que Lula transmitiu ao Mujica foi que é dificil governar o Brasil sem conviver com chantagens e 'coisas imorais', sem mencionar nada sobre o escândalo de corrupção.

Ainda de acordo com a biografia, o ex-presidente brasileiro "não é um corrupto" e viveu o escândalo do "mensalão" com "angústia e alguma culpa".

Últimas de _legado_Mundo e Ciência