Helicóptero do exército da Colômbia cai e guerrilha é suspeita de ter derrubado

Na região operam guerrilhas das Farc, Exército de Libertação Nacional e um reduto do Exército Popular de Libertação

Por O Dia

Colômbia - Um helicóptero Black Hawk do exército da Colômbia caiu em uma área rural do município de Teorama, aparentemente derrubado por grupos guerrilheiros, informaram nesta segunda-feira fontes oficiais. "A informação que temos é que o fato ocorreu na vereda de Santa Lúcia, que faz parte do corregimento El Aserrío, na área de El Catatumbo", disse o procurador de Teorama, Ever Pallares.

Helicóptero do exército colombiano cai aparentemente derrubado pela guerrilhaReprodução Twitter

O aparelho, pertencente à Brigada Móvel Nº 33 do exército, levava 15 militares a bordo, segundo meios de comunicação locais. Aparentemente, o helicóptero se dirigia à área de Filo Guamo, onde técnicos da companhia petrolífera estatal Ecopetrol trabalham na reparação de um trecho do oleoduto Caño Limón-Coveñas, danificado na semana anterior em um ataque guerrilheiro.

Até o momento não se sabe o estado dos ocupantes do veículo militar. Nessa região, que faz fronteira com a Venezuela, operam as guerrilhas das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), do Exército de Libertação Nacional (ELN) e um reduto do Exército Popular de Libertação (EPL), que, segundo as autoridades, se dedica principalmente ao narcotráfico

Últimas de _legado_Mundo e Ciência