Homem tem pé amputado após novo acidente envolvendo escada rolante

Comunicado do shopping onde o fato aconteceu culpa o próprio funcionário pelo acidente

Por O Dia

China - Um operário de limpeza de um shopping em Xangai, na China, ficou preso em uma escada rolante no fim de semana e seu pé teve que ser amputado devido aos ferimentos sofridos. Este é osegundo acidente em escadas rolantes no país registrado em uma semana, informou nesta segunda-feira a televisão estatal "CFTV".

O fato aconteceu na noite deste sábado, quando o homem, de sobrenome Zhang, 35 anos, estava limpando escadas rolantes no centro comercial Cloud Nine.

No extremo superior das escadas, seu pé esquerdo ficou preso entre os degraus e a prancha metálica onde estes terminam, o que obrigou equipes médicas e de bombeiros a ir até o local e resgatar Zhang. Câmeras de segurança registraram o ocorrido.

Funcionário de shopping teve pé amputado após acidente em escada rolante na ChinaReprodução Youtube

O homem foi levado para um hospital, onde seu pé teve que ser amputado devido aos graves ferimentos sofridos, segundo informaram fontes do centro médico.

Um comunicado do shopping onde o fato aconteceu culpa o próprio Zhang pelo acidente, por colocar-se "de forma inadequada" em cima da escova e deixar que esta ficasse travada entre os degraus e as pranchas metálicas da parte superior, o que causou uma avaria na maquinaria.

Trata-se do segundo acidente grave com uma escada rolante em menos de uma semana, depois que no dia 26 de julho uma mulher de 30 anos, Xiang Liujuan, morreu ao cair na parte superior de outro destes aparelhos, porque a prancha metálica do alto estava solta.

Em ambos os casos os acidentes foram gravados por câmeras de segurança e foram divulgadas rapidamente pela internet, o que contribuiu para gerar um amplo debate na China sobre possíveis falhas na manutenção de escadas rolantes e elevadores de todo o país.

Também no fim de semana passado uma criança de seis anos ficou presa em uma escada rolante de um centro comercial de Pequim, embora em seu caso só tenha sofrido ferimentos leves, segundo o jornal local "Beijing News".

Últimas de _legado_Mundo e Ciência