Por tabata.uchoa

Estados Unidos - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e o presidente francês, François Hollande, conversaram por telefone neste sábado para discutir o ataque em um trem na França, que foi frustrado pelos passageiros, incluindo três norte-americanos, informou a Casa Branca.

Soldado americano Spencer Stone%2C um dos passageiros que ajudou a controlar o atirador%2C deixa o hospital na FrançaReuters

Obama, que está de férias em Martha Vineyard, em Massachusetts, e Hollande concordaram que os três norte-americanos, além de um francês e um britânico, "demonstraram coragem notável" para controlar o atirador fortemente armado na sexta-feira, afirmou a Casa Branca em um comunicado.

Duas pessoas ficaram feridas no embate para desarmar o homem armado com um fuzil Kalashnikov, a bordo do trem de alta velocidade de Amsterdã a Paris. Três norte-americanos, um dos quais sofreu ferimentos a faca, estavam entre os passageiros que detiveram o atirador.

Evidências mostram que o homem dominado pelos passageiros é um marroquino conhecido das autoridades europeias como um suposto militante islâmico, de acordo com uma fonte com conhecimento do caso.

Você pode gostar