Após atacar policial com faca, agentes matam homem a tiros na Alemanha

Agentes informaram que ele era integrante condenado de grupo terrorista

Por O Dia

Alemanha - A polícia alemã informou nesta quinta-feira que matou a tiros um homem que descreveram como um membro condenado de um grupo terrorista, após ele atacar uma policial em Berlim com uma faca.

"Ele era acusado de ser membro de uma associação terrorista e de estar envolvido em um esquema para matar o primeiro-ministro do Iraque", informou a polícia de Berlim em sua conta no Twitter.

Área onde o homem identificado como Rafik Y. foi morto a tiros pela polícia%2C em BerlimReuters

A mídia alemã identificou o homem como Rafik Y. Em 2008, três homens, incluindo um chamado Rafik Mohamad Yousef, foram condenados na Alemanha por esquematizarem o assassinato do premiê iraquiano Ayad Allawi durante uma visita a Berlim em 2004.

O procurador de Berlim Michael Von Hagen disse que o homem cumpriu sua sentença na prisão e estava usando uma tornozeleira eletrônica, que permitiu que as autoridades monitorassem seus movimentos.

Não ficou claro por que ele atacou a policial. "Não podemos dizer que seu crime possui motivos islâmicos de alguma maneira - as investigações estão somente começando", disse Von Hagen.

Ele disse que um segundo oficial da polícia atirou quatro vezes no homem, atingindo-o com duas balas, e ele morreu no local. A policial foi gravemente ferida e estava em condições estáveis na UTI, informou a polícia.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência