Por clarissa.sardenberg

Finlândia - Uma dupla parece ter encontrado uma forma de irritar o presidente russo Vladimir Putin, conhecido mundialmente por seu conservadorismo e políticas anti-gays na Rússia. Putin tem uma ilha de veraneio no arquipélago de Aland, na Finlândia, e na última semana o local ganhou seu primeiro bar gay, o Blue Oyster. Os autores da provocação podem pegar três meses de prisão, segundo o "Guardian".

O espaço é uma réplica do famoso bar do filme "Loucademia de polícia" e está localizado bem no centro da ilha, com um brilhante letreiro. No Twitter, criadores do bar publicaram fotos se beijando em frente ao bar.

Ativistas fizeram pegadinha com Putin e abriram bar gay em sua ilha de veraneio Reuters / Reprodução Twitter

Os cantores do duo de hip hop Far & Son revelaram que ao jornal sueco Aftonbladet que são os responsáveis pela "pegadinha". "Acho que ano que vem vamos fazer novamente, só que dessa vez com cimento e vai ficar lá para sempre", brincou a dupla. Eles acrescentaram que muitos jovens devem estar agradecidos, pois agora têm um espaço da cultura gay na ilha.

O cônsul russo Mikhail Zubov declarou que o bar é um ato de vandalismo e mandou a polícia ao local. O incidente foi classificado como invasão de propriedade, segundo a polícia.


Você pode gostar