Por clarissa.sardenberg

Inglaterra - Um casal foi preso após a polícia britânica descobrir que os dois faziam vídeos e fotos sexualizados de suas duas filhas, incentivando-as a fazerem sexo. Segundo autoridades, o homem de 34 anos e a mulher de 47, de Bedford, na Inglaterra, sentiam prazer em observar as crianças. Os dois foram condenados a seis anos e meio de prisão, cada, segundo o "Mirror", nesta sexta-feira.

Policiais que apreenderam o material classificaram as cenas como "de revirar o estômago". Em uma das imagens, uma delas é incentivada a usar um acessório sexual.

A detetive que investigou o caso afirmou que as meninas eram obrigadas a fazer o ato e disse que eram muito novas para entender o que estava acontecendo.

A polícia revelou apenas que as meninas são menores de 16 anos, mas após declarações da detetive responsável pelo caso, acredita-se que tenham bem menos que isso.

Você pode gostar