DJ é surpreendido por 'canibal' em prédio, amarrado e atacado

Câmeras de segurança flagraram agressão. Segundo britânico, ataque foi premeditado e agressor 'estava preparado'

Por O Dia

Espanha - Um DJ foi atacado por um homem no lobby do prédio em que possui um apartamento em Ibiza, na Espanha. Câmeras de segurança do local flagraram o britânico Kenny McSween, de 38 anos, sendo espancado e mordido no rosto em um ataque que durou 20 minutos. O agressor chega a algemar as mãos do DJ.

Segundo o "Daily Mail", nesta terça-feira, Kenny foi encontrado em estado de choque pela polícia espanhola. Ele disse que não faz a menor ideia do que motivou o ataque, mas acredita que foi um ataque premeditado.

DJ Kenny McSween voltou para Inglaterra depois de ser atacado em prédio em Ibiza Reprodução Facebook

"Foi premeditado. Ele sabia os pontos que a câmera não iria registrar e seus braços estavam cobertos de vaselina. Ele estava claramente preparado", disse. Segundo a polícia o homem o confundiu com um invasor.

"Sinceramente, pensei que ele fosse me matar. Sinto como se tivesse lutado por 12 rounds com o Mike Tyson", contou Kenny. Ele disse que seu rosto pingava sangue depois do ataque. "Ele parecia um animal selvagem", contou sobre o agressor.

Após o ataque, O DJ que trabalhava há dois anos em Ibiza voltou para Inglaterra. Segundo Kenny, a polícia espanhola liberou o agressor após depoimento. "É inacreditável, se isso fosse na Inglaterra ele estaria preso agora", declarou.


Últimas de _legado_Mundo e Ciência