Homem é preso por transmitir HIV a seis mulheres na Itália

Indiciado por 'lesões gravíssimas', o suspeito, de 30 anos, conheceu vítimas por meio de redes sociais.

Por O Dia

Itália - A Polícia da Itália prendeu nesta terça-feira, em Roma, um homem acusado de ter transmitido o vírus HIV para seis mulheres durante relações sexuais sem proteção ocorridas entre 2006 e 2014. 

Indiciado por "lesões gravíssimas", o romano, cuja identidade não foi divulgada, tem cerca de 30 anos e já sabia que era soropositivo quando contaminou as vítimas — todas elas conhecidas por meio de bate-papos online ou redes sociais, principalmente o Facebook. 

As investigações começaram há oito meses, a partir da denúncia de uma de suas parceiras, que pouco antes havia descoberto que tinha o HIV. O inquérito acabou levando a Polícia às outras cinco mulheres, que têm entre 22 e 31 anos e contraíram o vírus em encontros ocasionais. 

No entanto, os investigadores ainda temem que outras vítimas possam ter sido contagiadas, já que o homem também participou de muitas relações grupais. Atualmente, ele está preso na penitenciária Regina Coeli, em Roma.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência