Tudo o que você precisa saber sobre a zika

Prevenção sem paranoia: assim deve ser o combate à doença que está deixando futuras mamães em pânico

Por O Dia

Rio - Afinal, é para evitar engravidar ou não? Se eu vir um mosquito de pernas rajadas voando no meu quarto, é para botar fogo na casa? Gestantes vão ter de sair de burca para não pegar zika? Nos últimos dias, uma paranoia tomou conta do país por causa dos crescentes casos da doença, transmitida pelo velho Aedes aegypti, que pode, sim, prejudicar o desenvolvimento de bebês. Como a relação com a microcefalia é nova, até os especialistas estão tendo de estudar. Daí, sobram dúvidas.

Mas não existe razão para pânico, e há certo exagero na recomendação de adiar a gravidez, mesmo sem vacina contra a zika à vista. Basta se proteger, passando repelente, por exemplo, e fazer o dever de casa contra o Aedes — inimigo tinhoso, mas não invencível. Veja ao lado como identificar a zika e como não dar bobeira para o mosquito.

Clique sobre a imagem e confira a página do seu jornal O DIA com todos os detalhes sobre a prevenção da doençaArte O Dia


Tudo o que você precisa saber sobre as doenças e não tinha a quem perguntar

A Fiocruz e a Secretaria Estadual de Saúde respondem

Em que momento da gravidez eu estarei livre de passar microcefalia para o meu bebê se eu pegar zika?

O ideal é não pegar, mas o primeiro trimestre é o período mais crítico para a formação do feto. 


O Aedes é vetor da dengue, da chikungunya e da zika. É possível ser contaminado pelos três vírus em uma só picada e adoecer das três ao mesmo tempo?

Não existe evidência científica da transmissão das três doenças ao mesmo tempo.
 
Como são as manchas na pele causadas pela zika? 

São vermelhas e se assemelham a uma picada de mosquito ou ao sarampo.
 
Existe uma forma caseira de pré-diagnosticar uma gripe, um resfriado ou uma sinusite, descartando zika, a partir de sintomas como coriza ou dor de garganta?

Diante de qualquer sinal de febre, a recomendação é procurar um serviço de saúde para o melhor diagnóstico. 
 
A partir de quais sintomas uma grávida precisa procurar atendimento contra zika?

Principalmente a partir do surgimento de manchas vermelhas pelo corpo. Independentemente da idade gestacional da mulher, esses casos devem ser notificados em até 24 horas. 


Ao matar um Aedes com a mão, sujei-me de sangue. Isso pode me contaminar?

O mosquito não transmite o vírus a partir do sangue que ingere, mas pela saliva que deposita na pessoa ao se alimentar. O Aedes só transmitirá este vírus para outra pessoa depois que o vírus sair de seu estômago, migrar para as suas glândulas salivares e amadurecer, o que leva uns dez dias para os vírus da dengue e da zika e três dias para a chikungunya. Nem todo mosquito que vemos está infectado com vírus. Então, se você sujou as mãos com sangue ao matar um Aedes, a probabilidade de que este sangue esteja contaminado é baixa (certamente é o seu sangue, ou de alguém próximo de você). E é praticamente zero a chance de que um vírus neste sangue seja capaz de infectar você.


Uma fêmea de Aedes pode passar vírus para os ovos?

Há essa possibilidade, mas a porcentagem de mosquitos que já nascem infectados é muito baixa. Quase a totalidade dos mosquitos nasce sem o vírus e só ficarão infectados se picarem alguém doente. 
 
Há a suspeita de que a zika seja transmissível por secreções, como nas DSTs. Se uma pessoa contaminada espirrar em mim, eu pego zika?

Só há confirmação científica da transmissão da doença pela picada do mosquito.
 
Uma mãe com zika pode passar o vírus ao amamentar?

Não existem estudos científicos que comprovem a transmissão do vírus durante a amamentação.


Como faço para passar filtro solar e repelente?

Passe primeiro o protetor solar, espere meia hora e só aí passe o repelente. É prudente reaplicá-lo outras duas vezes no dia ou quando suar muito ou tomar muita chuva.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência